MIP – MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS

Com o avanço dos estudos e pesquisas sobre a biologia e o comportamento das pragas, a preocupação com a saúde e com o meio ambiente, e a regulamentação das atividades por parte dos órgãos governamentais, as indústrias foram obrigadas a desenvolver produtos menos tóxicos e mais sustentáveis, as empresas dedetizadoras se especializaram, e atualmente são conhecidas como empresas de Controle Integrado de Pragas ou Saúde Ambiental. O dedetizador evoluiu, se qualificou e passou a ser reconhecido como Agente de Saúde. Diante disso, o controle passou a ser contínuo mais efetivo e eficaz, com a redução do uso de praguicidas, através da implantação de um sistema chamado MIP.

  1. Por onde as Pragas Acessam o ambiente?
  2. Onde elas se Abrigam?
  3. Como evitar a oferta de Alimento e Água?

Para invadir e se instalar em um ambiente, as pragas precisam que você permita o ACESSO e ofereça ABRIGO, ALIMENTO e ÁGUA. Estes fatores são essenciais para infestação e proliferação de qualquer espécie.

Com o MIP é possível definir um Plano de Ação para eliminar os 4 A’s do ambiente. Nesta técnica o produto químico pode ser utilizado apenas como parte integrante da estratégia de controle.

Objetivo

O objetivo do MIP não é apenas controlar pragas, é oferecer segurança, qualidade e legalidade baseado na EDUCAÇÃO AMBIENTAL, TREINAMENTOS, HACCP e GMP e principalmente na adoção de medidas preventivas e corretivas que visam evitar a penetração e/ou abrigo de infestações de animais sinantrópicos dentro de áreas sensíveis, através da racionalização do uso de defensivos químicos para que os riscos de contaminação sejam controlados. Implantação

Implantação

  • Classificação dos ambientes por risco de contaminação (nível de sensibilidade)
  • Vistoria e identificação de focos de pragas
  • Instalação de pontos de iscagem e armadilhas atóxicas, fixados e identificados com etiqueta padrão em mapa
  • Palestra de conscientização e treinamento dos colaboradores, integrando-os ao programa
  • Registro de pontos que facilitem o acesso, abrigo e proliferação de pragas - não
  • conformidades
  • Implantação de planilhas para registro de pragas
  • Sugestões de medidas preventivas e corretivas
  • Definição da estratégia de trabalho - cronograma de atividades

Gestão

Através desta ação os procedimentos adotados se mantêm adequados às normas e procedimentos na qual se norteia o Controle Integrado de Pragas.

  • Acompanhamento das atividades planejadas
  • Monitoramento e avaliação dos dispositivos e armadilhas
  • Aplicação de defensivos químicos de forma racional, quando necessário
  • Acompanhamento através de relatórios e gráficos em nosso site
  • Investigação,análise e emissão de laudo técnico em materiais provenientes de reclamação - SAC
  • Assessoria na qualificação de fornecedores

Documentos Técnicos

  • Relatório de implantação - avaliação prévia realizada pelo gestor
  • Cronograma de atividades - programação anual
  • Mapa de identificação dos dispositivos (pontos de monitoramento)
  • Certificado de aplicação e garantia - ordem de serviço
  • Solicitações de cliente registrada na ordem de serviço
  • Relatório de monitoramento - coleta de dados
  • Relatório de elementos facilitadores - não conformidades
  • Planilha de registro de pragas - individual por departamento
  • Laudo de identificação de pragas
  • Relatório mensal - recebe atualizações em tempo real a cada visita de monitoramento
  • Adequação de relatórios às necessidades de clientes